Entrada

CONSELHOS DE CARREGADORES AFRICANOS

O novo secretário geral da União dos Conselhos de Carregadores Africanos (UCCA) vai ser eleito, entre os dias 6 e 9 de Fevereiro, durante a Assembleia Geral da Associação, que se realiza em Ouagadougou, República do Burkina Faso.

O anúncio consta de um relatório do Conselho Nacional de Carregadores, divulgado recentemente, sobre as actividades de carácter internacional em que a organização participou durante o ano transacto.

Os Conselhos de Carregadores surgiram no continente africano, em meados dos anos 70, na sequência da reunião organizada pela CNUCED, entre 1968/74, para organizar o comércio marítimo.

Reunião Ordinária do Comité Director

Douala-CAMARÕES, 07 a 09 de Fevereiro de 2017

Realizou-se a sessão ordinária do Comité Director da União dos Conselhos de Carregadores Africanos (UCCA), de 07 a 09 de Fevereiro de 2017 em Douala, República dos Camarões, presidida pelo Presidente da UCCA, Director Geral do Ghana Shippers Authority (GSA), Doutor. Kofi Mbiah com a presença de 15 dos 19 Conselhos de Carregadores membros, nomeadamente: Angola (CNCA),

Conselho Nacional na União de África

Angola passou a integrar, na sexta-feira, o secretariado da União dos Conselhos de Carregadores Africanos, após a eleição dos novos corpos gerentes desta organização, que decorreu em Kinshasa. O nigerino Adamou Saley foi eleito secretário-geral da UCCA, sucedendo ao senegalês Serigne Diop.

IXª ASSEMBLEIA GERAL DA UCCA

IXª ASSEMBLEIA GERAL DA UCCA

ELEIÇÃO DO NOVO SECRETÁRIO GERAL

  1. BREVE HISTORIAL DA UCCA

A União dos Conselhos de Carregadores Africanos (UCCA) órgão especializado da Organização Marítima de Africa do Oeste e do Centro (OMAOC), foi criado em Fevereiro 1977, em aplicação dos dispositivos da terceira (3ª) CMEAOC realizada em Accra (GHANA).

Lista dos directores membros da UCCA

Lista dos membros da UCCA

Notícias

Cabinda e Zaire com novos chefes dos serviços provincial

Francisco Gomes Tchimbavo é o novo chefe dos serviços provincial do Conselho Nacional de Carregadores em Cabinda, em substituição de António Assunção da Conceição Luís, depois de ter desempenhado a mesma função no município do Soyo, no Zaire.

 

Os participantes no conselho consultivo do Ministério dos Transportes, realizado na cidade do Lobito, em Benguela, concluíram existirem estruturas de custo muito pesados e excedentes de mão-de-obra na maioria das empresas.

  

Com efeito, defendem investimentos fundamentais e imprescindíveis, com prioridade para a rede estabilizada informática (ERPS), gestão de sistema integrado, formação, transporte e infra-estrutura.